O que é PHP? Guia Básico de Programação PHP

Leia as
seções sobre a Instalação do
PHP, e veja a parte da referência das
funções para detalhes sobre as extensões
mencionadas aqui. Se você chegou até aqui com certeza já entendeu bem o que é o PHP e o quanto ele é poderoso. Portanto, recomendamos que tenha praticado com nossos exemplos práticos, porém continuem seus estudos. O IMC é calculado dividindo o peso pela altura elevada ao quadrado. Ou seja, de forma mais simples, você multiplica sua altura por ela mesma e depois divide seu peso pelo resultado da última conta.

o que é php

Um dos eventos organizados pela comunidade juntamente com a Locaweb é o PHP Community Summit, realizado anualmente. A maioria das comunidades também realizam meetups mensais https://temlondrina.com.br/tecnologia/qual-escolher-bootcamp-de-programacao-x-cursos-tradicionais/ de conteúdo. PHP é uma linguagem interpretada do tipo server-side com diversos propósitos. Porém, ela é principalmente utilizada para gerar conteúdos dinâmicos em um site.

O Que é PHP e Para Que Serve? Guia Simples e Completo

Em vez disso, as versões 5.3 e 5.4, foram lançadas com modificações que minimizaram o hiato deixado por uma nova versão e pelo que a 6 não cumpria bem. Pouco depois, eles desenvolveram a versão 4 do PHP, mas que tinha alguns problemas e ainda não atendia o que se esperava de uma linguagem moderna. Não é difícil de entender a escolha de profissionais pelo PHP para desenvolver a maioria de seus projetos web, já que, além da facilidade de trabalho, há também as vantagens diretas de desempenho.

E é um linguagem ótima para a entrada de novas pessoas no mundo do desenvolvimento. O PHP pode desenvolver plugins e temas e, inclusive, pode vender essas criações através da plataforma. Através do PHP, podemos determinar como uma página será mostrada quando for carregada, podendo manipular o conteúdo que será exibido. Frameworks e bibliotecas facilitam muito a vida de um desenvolvedor, possibilitando realizar tarefas em menos tempo e com bem menos linhas de código. O PHP possui muitos frameworks e bibliotecas, o que não faltam são opções para utilizar. Como exemplos de Frameworks conhecidos temos o Laravel, o CodeIgniter, o Zend e o Symfony.

Estude nas melhores sem sair de casa

Você aprenderá a usá-las corretamente ao longo do tempo e com a prática. Observe que, como mostrará o próximo exemplo, as arrow functions têm acesso automático às variáveis ​​do escopo delimitador externo, sem a necessidade de use(). Ele é apenas passado por valor, o que significa que a função recebe uma cópia curso de cientista de dados dele, não a referência à variável original. Apenas um valor pode ser retornado a partir de uma função, não mais de um. Podemos usar funções para agrupar várias instruções ou várias linhas de código e dar a elas um nome. Faça um teste simples definindo $counter como 15 nos exemplos acima e veja o que acontece.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *